quinta-feira, 30 de setembro de 2010

[slidemusical®sandro.al:36409] PERDAO - Carlos A. Baccelli

[slidemusical®sandro.al:36408] A NATUREZA DO CAMINHO INTERIOR

 

[slidemusical®sandro.al:36407] Surpresaaaaa...!? ESTÁ DEMAIS !!!! Com som

video

 Surpresaaaaa...!? ESTÁ DEMAIS !!!! Com som







--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36406] : Por que não gritou antes?

Quem sabe.!cid_3C74D305F15F450D924B861E20E8EC5C.gif


 

 

  

 

 

 


De madrugada, um grito alto vem do quarto escuro.
O marido que estava na sala assistindo filme na TV entra correndo, acende
a luz e vê um cara pelado pulando pra fora pela janela.
A mulher grita:
- Aquele cara me comeu duas vezes!
O marido pergunta:
- Duas? Por que você não gritou logo na primeira vez?
A mulher responde:
- Tava tudo escuro .. Eu pensei que fosse você... até que ele começou a
dar a segunda...
Aí eu achei estranho...

 

 



--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36405] *Harmonia das Diferenças

 

[slidemusical®sandro.al:36404] Superação



--



--
Doreli Sala

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36403] Não esta no Aurelio.....


Nenhum vírus encontrado nessa mensagem recebida.
Verificado por AVG - www.avgbrasil.com.br
Versão: 8.5.445 / Banco de dados de vírus: 271.1.1/3149 - Data de Lançamento: 09/21/10 06:34:00




-




 


 








--
Doreli Sala

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36402] Frase do Rei






--
Doreli Sala

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36401] YES - TIM MOORE

.....só resta dançar.....................

 

Yes

Tim Moore
 
Ooh, yes, yes
Nothing never felt to me
Like you do right now
Aah, yes, yes,
That's the only word
I want to hear from your mouth

Oh, let's not waste our time
Hiding what we feel inside
If your tongue is tied, just whisper yes,
Darling, yes, darling, yes

Yes, yes, don't you feel breathless
When I'm holding you near
Ah, yes, yes
We could light a fire
And keep it burning for years

It's that misty look inside your eyes
That I want to monopolize
Feel your skin on mine,
It's crying yes darling, yes darling, yes

Romantic pressure's gonna drive me insane,
Time goes by and I'm losing ground
Do you want to see a loved one in chains,
I'm sinking baby, I'm gonna drown, I'm going down

Oh, yes, yes
Can't you feel the passion
When I look in your eyes?
Ah, yes, yes
This is how I want it
For the rest of my life

Oh, giving fire to your flame,
Every time you speak my name
Close your eyes and say it to me
Yes darling, yes darling, yes.

 


Clelia - Romantica e Sensual.gif

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36400] Declaração....S. Holtz.



 
 
 
 

 

 
 
 

 
 

 
 

 
 

 
 


 


 

 

 


 
 
 
 
 

 
Declaração
S. Holtz
 
Deixa eu dizer que te amo,
deixa eu dizer que te quero,
deixa eu dizer que não vivo sem ti...
Por favor, deixa...
Deixa que eu repouse meu corpo junto ao teu,
deixa meu coração te contar aquilo que eu ainda não
achei o jeito para declarar...
Deixa eu te sentir por inteira,
Deixa eu te despir para te banhar com carinho
e, também,
deixa eu te vestir quando os desejos estiverem saciados.
Deixa que eu sonhe contigo
e tenha muitas estrelas
a cintilar sobre o meu céu.
 
Deixa!
Deixa?
Deixa...
 
 
Sergio Holtz
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 



--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36399] CANTARE È D' AMORE




 

 

Cantare È D'amore

Amedeo Minghi
 
Come una finzione
Non del sangue ma del rosso,
Acqua e sale e non le lacrime assaggiai,

Arsure come di battaglia,
Di comparse fuoco e paglia,
Ed i cuori son cavalli scossi in noi.

Amarsi è come andare in fuga.
È cosa ho fatto, cosa ho detto mai...

Non è la verità che più la dice e più la dice mai.
È l'illusione mia che è vera

E che scorre fiera tra le dita della vita.
Passa il suono e belle immagini di noi,

Meraviogliosa confusione
Tra i dialoghi e le pose,
E ogni peso appassionato

È un soffio ma non la verità,
Che è sempre un'altra storia ma non lei,

Lei che tra i baci miei d'amore.
È improvvisazione,
Non è vento e non è sole,
Pioggia atroce meglio è che non ci sia.

Amarsi è come arrampicarsi
Su uno schermo di illusione
E poi credere quell'edera realtà.

È le bugie, ragazza mia,
Il naso lungo e il gusto dell'addio.

Non è la verità che più la dici, più la dici mai.
È vita che non sai,
Sarà che come me tu rivivrai
Quando l'amore mio ti canterò.

È quando tutti i giuramenti
Fatti a te saranno inganni
Alla vita che, stupita, sbanderà.

Amarsi è prima di capire,
È rimbambire la ragione in noi,

Non è verità,
Che più la dici e meno baci avrai.

E l'illusione mia che è vera.
E chi ama canta
Tra le voci della vita
L'acqua che si incontra col suo scialacquìo.

Oppure è meglio non cantare,
Muti se non è d'amore
E qualcuno deve farlo e sono io che ti canterò
E come in fuga nel tuo cuore andrò.

Non è la verità
Che più la dici e più la dici mai.
Lei che tra i baci miei d'amore.
 
~/~/~

Cantar e Amar

Como uma ficção,
Não do sangue mas vermelho,
Água e sal e não lágrimas que provei

Como uma batalha a dois
Parecidos fogo e palha
E corações como cavalos a galope dentro de nós.

Amar-se é como andar em fulga
É o que fiz, o que nunca disse..

Não é a verdade que mais a diz, que mais a diz, jamais
É minha ilusão que é verdade

E escorre ferozmente entre meus dedos nesta vida.
Reproduz o som e belas imagens de nós,

Maravilhosa confusão
entre diálogos e posições
E cada suspiro apaixonado

É um sopro mas não a verdade,
Pois é sempre outra história mas não ela

Ela que entre os meus beijos de amor
É imprevisivel
Não é vento nem é sol,
Melhor que não seja chuva forte

Amar-se é como agarrar-se
a uma grade imaginária
e crer que aquela "era" é real.

E as mentiras, minha menina
É o gosto do adeus

Não é a verdade que mais a diz e que mais a diz,
É uma vida que você não conhece
Será que como eu tu reviverá
quando o meu para ti cantar?

E quando todas as juras
feitas a você são enganos
da vida que, estupefata, se esvai.

Amar-se antes de compreender
é abobalhar a razão em nós.

Não é verdade
Que quanto mais você falar menos beijos receberá

É minha ilusão que é verdade
E quem ama canta
Entre as vozes da vida
No som das águas que se encontram

Ou então, melhor nem cantar
Melhor mudos se não for por amor
Mas alguém deve fazer-lo e sou eu quem te cantará
E em fuga andarei em teu coração.

Não é a verdade
ao qual mais a diz e mais a diz
Ela, que entre beija meu amor.
 
 
Imagem net
 


--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36398] Boa noiteeeeeeeeee grupo amigo

BEGIN:VCARD
VERSION:2.1
N:;adoro meu grupo
FN:adoro meu grupo
EMAIL;PREF;INTERNET:adoromeugrupo@com.br
REV:20100930T213222Z
END:VCARD
 

 

 

 
 
 

 
 
 
 
 


 
 



 

 
 
 



 

Silêncio

   

"Pare para ouvir o coração.

Afaste-se do barulho e acolha com amor o ruído de suas inquietações.

 Sintonize-se na freqüência dos batimentos da alma.

A alma é um ser vivo cuja linguagem é o silêncio e a respiração é a paz.

 Você é a alma. Nessa percepção tudo se aquieta, dentro e fora.

Nesse estado Deus consegue ouvir você.

A linguagem de Deus também é o silêncio.

 E a respiração Dele é o Amor.

Silêncio é a senha para conectar com Deus.

 Amor divino é a experiência."

 

Organização Brahma Kumaris
 
 


 


 
 

 

 

 

 

 
 
 
 



 


 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
 


 

 

 

 

 

 


 
 

 

 

 

 


 


 



 

[slidemusical®sandro.al:36397] REPASSANDOOO...... NOSSO AMOR!



 

 
 
 

 

 
Nosso amor!
 
Não sonho um sonho de amor... 
Vivo a realidade do amor!
A nossa realidade... o nosso amor!
Eternamente, seja onde for...
 
Na caminhada percorrida,
A solidão era constante...
minha alma te sentia,
a tua alma me buscava!
 
Atendi ao teu chamado...
ao meu, você respondeu.
A união é perfeita, eu e você, você e eu!
 
Cúmplices, amantes, namorados, amigos.
Nenhum espaço vazio... todos preenchidos,
com ingredientes do nosso verdadeiro amor!
 
*NYL GAR*
21/09/2010
11:00 hs
 



 

 



 

 
 

 
 
 
 
 

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36396] Não julgue, cuidado com suas conclusões...


Não devemos tirar conclusões apressadas.......ATT222~1.GIF

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.

[slidemusical®sandro.al:36395] A TIRINHA QUE EMOCIONOU O MUNDO...

 
 
 
A TIRINHA QUE EMOCIONOU O MUNDO...
 

 
 
 

Quando vc era bem pequeno...


cid:423519F4FE2449FEA04F9FE41871721B@CHUNGPC 

 ...eles gastavam horas te ensinando usar talheres nas refeições...
 

cid:3BF4ABC9C6234757BB79FDB8881AD2CC@CHUNGPC

...te ensinando vestir, amarrar cadarços de sapatos, fechar botões da camisa..

cid:FCE7297B2ED240B78CA54E02FF2891A8@CHUNGPC 

...te ensinando lavar seu rosto, pentear seus cabelos...


 cid:5D97E01C79D64ACEA2818601E18E68F8@CHUNGPC 

 ...te ensinando valores humanos...


cid:47E8416C5E7E49A19B7DE494D9BBF73D@CHUNGPC 

...por isso...


  cid:360D75CA7CB1428FA753A7F3C1C0C991@CHUNGPC   

...quando eles ficarem velhos um dia...


 cid:A2695DA1050F4AFAA41B1A036049EB18@CHUNGPC

...quando eles começarem a ficar mais esquecidos e demorarem a responder...
 
cid:2AEE9B344B9649C98BBDC7C13CC83804@CHUNGPC 

...não se chateie com eles...


 cid:02D02D429F2B4C14B741BF7E9CFF2B3F@CHUNGPC

...quando eles começarem a esquecer de fechar botões da camisa, de amarrar cadaços de sapato...
cid:2E76654353FE4F8EA9AA5B77F01400ED@CHUNGPC 
 ...quando eles começarem a se sujar nas refeições...
 
cid:8AB80FFA70574199B3B5193B7A94FC3F@CHUNGPC 

...quando as mãos deles começarem a tremer enquanto penteiam cabelo...
 
cid:5F0293ABEBA34E9193503C2A4C861421@CHUNGPC 

...por favor, não os apresse...porque você está crescendo aos poucos, e eles envelhecendo... 

cid:8BF7D5FCFA6D46468F41E8F4A9428B15@CHUNGPC

...basta sua presença...
 
 cid:E35EF9AB0A2342B6BC68CA2082C9769C@CHUNGPC

 ...para coração deles ficarem aquecidos...
 
cid:BA150EF045EE446F9B49CAB185F118C2@CHUNGPC 

...se um dia eles não conseguirem se equilibrar ou caminhar direito...
 
cid:A74A1CCFA1DC4F6D9C77CA7B10F5B8E9@CHUNGPC 

...segure firme as mãos deles e os acompanhe bem devagar durante a caminhada...

cid:FE257A13D640495E94BCFD1B1EEE0C05@CHUNGPC 

...assim como...

cid:D76545AD356A41CABC2D3219877F88C5@CHUNGPC


 ...na época em que eles ficavam com você.


cid:D579D98F65C940A9AFDEBD6F8DF93482@CHUNGPC 


 

 

Beijinhos ternos e doces...
 
 
 
 
 
 
 

                                                                                                                                     
 
Animacoes GRATUITAS para seu e-mail – do IncrediMail! Clique aqui!

[slidemusical®sandro.al:36394] Seleção de Piadas Mineiras







*SÓ AS BOA SÔ!!*** 
 
NUDEZ MINEIRA 
 
Dois cumpadre de Uberaba tavam bem sossegadim fumando seus respectivo cigarrim de paia e proseano. 
Conversa vai, conversa vem, eis que a certa altura um deles pergunta pro outro: 
- Cumpadre, u quê quiocê acha desse negóço de nudez? 
- No que o outro respondeu: 
- Acho bão, sô! 
O outro ficou assim, pensativo, meditativo...e perguntou de novo: 
- Ocê acha bão purcaus diquê, cumpadre? 
E o outro: 
- Uai! É mió nudês do que nunosso, né mesmo? 
 
____________________________________________________________ 
SUTILEZA MINEIRA 
 
O cumpadi, há muito tempo de olho na cumadi, aproveitô a ausência do cumpadi e resolveu fazer uma visitinha para ver se ela não carecia de arguma coisa... 
Chegando lá, os dois meio sem jeito, não estavam acostumados a ficar a sós....falaram sobre o tempo.... 
- Será qui chove? 
- Pois é..... 
Ficô um grande silêncio..... 
Aí, o cumpadi se enche de corage e resorve quebrá o gelo: 
- Cumadi....qui qui ocê acha: trepemo ou tomemo um café? 
- Ah, cumpadi...cê mi pegô sem pó..... 
________________________________________________________________ 
TREM CAIPIRA 
 
Uma mulher estava esperando o trem na estação ferroviária de Varginha, quando sentiu uma vontade de ir urgentemente ao banheiro. 
Foi..... 
Quando voltou, o trem já tinha partido. Ela começou a chorar. 
Nesse momento, chegou um mineiro, compadeceu-se dela e perguntou: 
- Purcaus diquê qui a sinhora tá chorano? 
- É que eu fui urinar e o tre partiu.... 
- Uai, dona! Por caus dissu num precisa chorá não...tenho certeza bissoluta qui a sinhora já nasceu com esse trem partido.... 

____________________________________________________________- 
CUNVERSA DE MINEIRIM 
 
- Cumpadi, muié é bicho estranho, num é mêsss??? 
- Num gosta di pescá.... 
- Num gosta di futebor... 
- Num sabi contá piada... 
- Num toma umas pinguinha.... 
- Óia, cumpadi....si num tivesse xoxota, eu nem cumprimentava. 
_________________________________________________________________ 
MUIÉ MINEIRA 
 
Os dois cumpadres pitavam o cigarrim de paia e prosiavam. 
Um deles pergunta: 
- Ô cumpadre, cumé que chama mesmo aquela coisa que as muié tem (faz um sinal com as duas mãos), quentim, cabeludim, que a gente gosta, é vermeia e que come terra? 
- Uai...quentim... vermeia..? A gente gosta? Uái sô, só pode ser xoxota. Mas eu num sabia que comia terra, sô!! 
O outro dá uma pitada no cigarro: 
- Pois come, cumpadre. Só di mim, cumeu treis fazenda. 
_____________________________________________________________ 
DIPROMA 
 
O velho fazendeiro do interior de Minas está em sua sala, proseando com um amigo, quando um menino passa correndo por ali. 
Ele chama: 
- Diproma, vai falar para sua avó trazer um cafèzinho aqui pra visita! 
E o amigo estranha: 
- Mas que nome engraçado tem esse menino!! É seu parente? 
- É meu neto! Eu chamo ele assim porque mandei a minha filha estudar em Belzone e ela voltou com ele! 

_____________________________________________________________ 
MINEIRIM NO RIDIJANEIRO 
 
Um mineirim tava no Ridijaneiro, bismado cas praia, pé discarço. sem camisa, caquele carção samba canção, sem cueca pur dibacho. 
Os cariocas zombano, contano piada de mineiro. Alheio a tudo, o mineirim olhou pro marzão e num se güentô: correu a toda velocidade e deu um mergúio,deu cambaióta, pegô jacaré e tudo mais. 
Quando saiu, o carção de ticido finim tava transparente e grudadim na pele. 
Tudu mundo na praia tava oiano pro tamanho do 'amigão' que o mineirim tinha. 
O bicho ia até pertim do juêio...A turma nunca tinha visto coisa igual. As muié cum sorrisão, os homi roxo dinveja, só tinham olhos pro bicho. 
O mineirim intão percebeu a situação, ficou todo envergonhado e gritou: 
-Qui qui foi, uai? Seus bobãum... vão dizê qui quando oceis pula na agua fria, o pintim doceis num incói tamém...? 

____________________________________________________________ 
TRAIÇÃO À MINEIRA 
 
O amigo chega pro Carzeduardo e fala: 
- Carzeduardo, sua muié tá te traino co Arcide. 
- Magina!! Ela num trai eu não. Cê tá inganado, sô. 
- Carzeduardo! Toda veiz qui ocê sai pra trabaiá, o Arcide vai pra sua casa e prega ferro nela. 
- Duvido! Ele não teria corage.... 
- Mais teve! Pode confiri. 
Indignado com o que o amigo diz, o Carzeduardo finge que sai de casa, sesconde dentro do guarda-roupa e fica olhando pela fresta da porta. 
Logo vê sua mulher levando o Arcide para dentro do quarto pra começar a sacanage. 
Mais tarde, ele encontra com o amigo, que lhe pergunta o que houve. 
E então, o Carzeduardo relata cabisbaixo: 
- Foi terrive di vê!!!... ele jogou ela na cama, tirou a brusa.... e os peito caiu....tirou a carcinha...e a barriga e a bunda > dispencaro...... tirou as meia...e apariceu aquelas varizaiada toda, as perna tudo cabiluda. 
E eu dentro do guarda roupa, cas mãos no rosto, pensava: 
'Ai...qui vergonha tô do Arcide!!!' 
__________________________________________________________-- 
UAI SÔ 
 
Um mineirinho bom de cama, passando por New York, pega uma americana e parte para os finalmentes. 
Durante a relação, a americana fica louca e começa a gritar: 
- Once more, once more, once more.....(tradução de once  more: 'mais uma  vez') 
E o mineirinho responde desesperado: 
- Beozonte, Beozonte, Beozonte..... 
______________________________________________________________ 
INDO PARA A PESCARIA... 
 
Os dois mineiros se encontram no ponto de ônibus em Cocalinho para uma pescaria. 
- Então cumpade, tá animado? pergunta o primeiro. 
- Eu tô, home! 
- Ô cumpade, pro mode quê tá levano esses dois embornal? 
- É que tô levano uma pingazinha, cumpade. 
- Pinga, cumpade? Nóis num tinha acertado que num ia bebê mais?! 
- Cumpade, é que pode aparece uma cobra e pica a gente. Aí nóis desinfeta com a pinga e toma uns gole que é pra mode num sinti a dô. 
- É.... e na outra sacola, o que qui tá levano? 
- É a cobra, cumpade. Pode num tê lá... 
_________________________________________________________ 
MINEIRIM COMPRANDO PASSAGEM 
 
O mineirin vai a uma estação ferroviária para comprar um bilhete. 
- Quero uma passage para o Esbui - solicita ao atendente. 
- Não entendi; o senhor pode repetir? 
- Quero uma passage para o Esbui! 
- Sinto muito, senhor, não temos passagem para o Esbui. 
Aborrecido, o caipira se afasta do guichê, se aproxima do amigo que o estava aguardando e lamenta: 
 Olha, Esbui, o homem falou que prá ocê não tem passagem não! 

____________________________________________________________ 
 
A PESQUISADORA E O MINEIRIN 
 
Uma pesquisadora do IBGE bate à porta de um sitiozinho perdido no interior de Minas. 
- Essa terra dá mandioca? 
- Não, senhora. - responde o roceiro. 
- Dá batata? 
- Também não, senhora! 
- Dá feijão? 
- Nunca deu!
 - Arroz? 
De jeito nenhum! 
- Milho? 
- Nem brincando! 
- Quer dizer que por aqui não adianta plantar nada? 
- Ah! ... Se plantar é diferente..


 

 

 







__

--
Você está recebendo esta mensagem porque se inscreveu no grupo "slidemusical®sandro.al" dos Grupos do Google.
Para postar neste grupo, envie um e-mail para slidemusical@googlegroups.com.
Para cancelar a inscrição nesse grupo, envie um e-mail para slidemusical+unsubscribe@googlegroups.com.
Para obter mais opções, visite esse grupo em http://groups.google.com/group/slidemusical?hl=pt-BR.